Resenha - Remy, por Katy Evans



Resenha:
Esse livro ele é dividido entre o passado e o presente e é na visão de Remington Tate. O livro começa com o casamento de Brooke e Remy.
Nos capítulos do passado é a versão de Tate dos dois livros anteriores (Real e Meu) e os capítulos do presente é o casamento e a lua de mel. Mostra Remy sendo pai, e o bebê deles é muito fofo.
Remy se sente inseguro em relação a paternidade, seu temperamento é complicado, seu problema de saúde, ele não sabe o que é ter pai e mãe, então ele tem medo disso.
Remy se encanta pela Brooke assim que colocou seus olhos nela, ele só a queria perto, mas é complicado, ele precisa dela.

Opinião:
Continuo com a mesma opinião que muita cena erótica cansa e torna o livro uma leitura cansativa.
Mas esse livro é bom ver a forma que o Remy pensa, como ele lida com as coisas, com os sentimentos, com sua bipolaridade.
Gostei do livro, mas me cansou um pouco. Recomendo para quem gosta desse tipo de livro, vale a pena, porque é uma história interessante com temas muito bons para se falar, não só ficar em cena erótica.



You May Also Like

0 comentários